Vuma defende redução das taxas de juro para aliviar PME

O presidente da CTA defendeu maior inclusão do sector privado nas consultas públicas para elaboração de leis e outros instrumentos normativos.

Três meses depois do adiamento da XV Conferência Anual do Sector Privado, centenas de empresários juntaram-se esta segunda-feira num frente-a-frente com o governo para discutir os desafios e caminhos para a melhoria do ambiente de negócios. Acompanhado pelo ministro da Indústria e Comércio, Ragendra de Sousa, o Presidente da República, Filipe Nyusi, presidiu à cerimónia de abertura, que contou com a presença de diversas personalidades do mundo de negócios, governantes, representantes de instituições internacionais, titulares de órgãos de soberania, diplomatas e convidados estrangeiros.

O presidente da CTA reconheceu os esforços do governo na melhoria do ambiente de negócios e defendeu que o sector privado vai colaborar com a Procuradoria-geral da República no combate à corrupção.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique